Diante do conturbado cenário econômico que atormenta o Brasil no momento, não é incomum ver brasileiros interessados em adquirir imóveis nos Estados Unidos. Tendo como base a minha própria experiência como corretora de imóveis, vejo dois principais perfis de compradores: 1) aqueles que desejam comprar uma propriedade para morar e fazer a vida nos EUA; 2) os que adquirem o bem com o intuito de investir, ou seja, comprar um imóvel residencial para alugar a terceiros e ter um rendimento em moeda estrangeira.

Devido às condições climáticas semelhantes as do Brasil e à proximidade geográfica, dentre outros fatores, a Flórida é um dos destinos mais visados pelos brasileiros. Segundo dados do Relatório de Investidores Internacionais na Flórida (Profile of International Home Buyers in Florida Report) de 2015, divulgado pelo Florida Realtors, o Brasil é o terceiro maior investidor em imóveis residenciais no país, atrás apenas da Venezuela e do Canadá.

Apesar do interesse e das boas perspectivas diante do investimento, muitos compradores em potencial esbarram na dificuldade – ou na falta de informação – do processo de comprar um imóvel na Flórida. Este post tem a intenção de elucidar todo o procedimento, mas se alguma informação não ficar totalmente clara, ou se outras dúvidas surgirem, não hesite em entrar em contato comigo pelo e-mail desiree@desiree.realtor ou WhatsApp +1 954-993-4246.

1. Você quer morar ou gerar receita?

Pode parecer uma informação irrelevante a princípio, mas faz toda a diferença na hora de definir a região. Se a sua intenção é morar, você não precisa estar no foco do turismo, por exemplo. Precisa estar em uma área bem servida em termos de escolas, comércio, hospitais, etc. Se o objetivo é comprar um imóvel para alugar por temporada (períodos curtos), o ideal é que seja em áreas de fácil de acesso, próximas aos pontos turísticos mais visados e em lugares com permissão para esse tipo de atividade. Já para locar a longo prazo, não é necessário que a propriedade seja em áreas turísticas. O ideal, nesse caso, é ter um imóvel em regiões carentes de ofertas de imóveis para alugar, como nas zonas mais populares ou de renda mais baixa.

2. “I don’t speak English!”

O inglês é muito importante! Não adianta apenas escrever e-mails ou falar o básico, porque durante o processo de aquisição de um imóvel você provavelmente vai precisar falar com o corretor (lembre-se de que comigo você pode falar em português!), empreiteiros, eletricistas, engenheiros, etc. Você certamente não vai deixar de comprar a sua propriedade por causa da língua, mas se souber falar inglês, o processo vai ser muito mais tranquilo.

3. Possuir SSN ou Tax ID

O SSN – Social Security Number – é um documento que pode ser comparado ao CPF brasileiro. É um número de identificação, mas não pode ser usado como documento de identidade por não conter foto (como o RG ou a CNH no Brasil). Esse documento é uma espécie de “reconhecimento de cidadania”, pois com ele o portador consegue arranjar emprego legalmente, ter cartão de crédito e financiar carros e imóveis. Conseguir o SSN é um processo difícil e burocrático, uma vez que não é qualquer pessoa que está elegível a solicitar o documento. Já o Tax ID pode ser tirado com mais facilidade por qualquer pessoa (inclusive as que estão nos EUA ilegalmente).

4. Ter conhecimento de mercado e serviços

Esse é um papel que cabe ao corretor, mas é importante que o comprador também tenha pelo menos um mínimo de conhecimento de mercado, principalmente se o objetivo da compra for o de alugar o imóvel e gerar receita. Durante alguns meses, no caso de aluguel por temporada, a casa pode dar bastante lucro (principalmente no verão), mas em outros períodos a receita pode ser baixa ou até inexistente. A falta de uma boa administração pode acarretar em prejuízo, uma vez que os serviços como telefone, internet, eletricidade, condomínio e água vão continuar existindo, estando a propriedade locada ou não. O conhecimento pode ajudar o investidor a se preparar melhor para os altos e baixo do mercado e otimizar seus rendimentos.

Este é apenas um resumo dos procedimentos básicos para a compra de um imóvel nos EUA. Interessado em comprar um imóvel na Flórida? Entre em contato comigo, Désirée Ávila Wilcox – sua corretora imobiliária na Flórida, pelo e-mail desiree@desiree.realtor ou pelo celular/Whatsapp (+1) 954-993-4246 para um atendimento totalmente personalizado.