banner-simplificado-maio

Dificilmente você verá neve o sul da Flórida (a última nevasca em Miami foi há mais de 40 anos), as temperaturas são muito mais amenas do que no resto do país quando chega o inverno, mas da temporada de furacões – que vai de 1 de junho a 30 de novembro – o Sunshine State não está livre. As previsões para 2019, segundo a Administração Nacional Oceânica e Atmosférica, é de um número considerado comum de tempestades – entre 9 e 15. Desse número, 4 a 8 podem vir a se tornar furacões, e até quatro deles podem chegar às categorias 3, 4 ou 5.

+ Sobrevivendo e retomando a rotina após o furacão Irma

Temporada de furacões: escala de Saffir-Simpson

Muita gente sabe que quando um alerta de furacão de categoria alta é emitido, significa que chuvas e ventos fortíssimos estão a caminho, mas muitas não têm noção do que cada uma delas representa em termos de intensidade. O furacão Irma, que atingiu a Flórida, o Alabama e a Geórgia em 2017, além de outros países no Caribe e América Central, foi uma tempestade de categoria 5.

Para entender melhor, criamos um gráfico que indica a categoria e a velocidade dos ventos em mph (milhas por hora) e em km/h.

temporada de furacoes

De olho nas notícias!

Quando a temporada de furacões começa, os veículos de comunicação (rádio, TV, sites e redes sociais) emitem boletins diários sobre a previsão do tempo e atualizam as informações sempre que há iminência da chegada de ventos fortes. Esteja sempre atento aos noticiários e, se você estiver na Flórida apenas como visitante, é importante prestar atenção nas notícias em português e ter o contato de amigos brasileiros na Flórida ou se informar com antecedência sobre os abrigos na região em que você estará hospedado.

Informações de abrigos de emergência:

  • Condado de Broward: 954-831-4000
  • Condado de Miami-Dade: 305-468-5400
  • Condado de Palm Beach: 561-712-6400
  • Condado de Orange (que abrange Orlando): 407-836-9140
O que fazer ANTES do furacão
  • Fique de olho nas notícias locais (especialmente pelo rádio, TV e internet, que atualizam em tempo real);
  • Jogue todo o lixo da residência fora;
  • Inspecione a casa inteira para ter certeza de que não há nada precisando de reparos (portas, janelas, garagem, piscina, etc.);
  • Coloque protetores (plywood) nas portas e janelas da residência*;
  • Consulte as rotas de evacuação da sua cidade e deixe todos os membros da família cientes;
  • Tenha em mãos um kit emergencial e os telefones importantes dos órgãos de emergência;
  • Busque informações sobre o abrigo mais próximo da sua residência;
  • Organize todos os documentos (passaportes, IDs, apólices de seguros) e dinheiro em um saco plástico vedado e deixe-os em um lugar seguro e de fácil acesso;
  • Deixe a temperatura da geladeira e do freezer no máximo para manter os alimentos gelados por mais tempo em caso de falta de energia;
  • Encha banheiras e baldes com água para usar nos banheiros, para lavar louça e para higiene pessoal em caso de falta d’água;
  • Carregue totalmente todos os aparelhos e tente usá-los apenas se necessário;
  • Não deixe veículos embaixo de árvores;
  • Se algum membro da residência precisar de medicamentos e tratamentos especiais (como oxigênio, diálise e insulina, por exemplo), a lei permite que em iminência de desastres naturais, o paciente tem direito a um kit emergencial suficiente para 30 dias.

* Os empreendimentos mais novos já vêm com portas e janelas resistentes ao impacto, e muitos prédios antigos também precisam passar por reformas de modernização. Na região da Galt Ocean Mile em Fort Lauderdale, por exemplo,uma regulamentação obriga os prédios com mais de 40 anos a passarem por uma reestruturação, que inclui a substituição de portas e janelas antigas por outras resistentes ao alto impacto.

+ Galt Ocean Mile: melhor custo por m² em Fort Lauderdale

Prédios antigos da Galt Ocean Mile, em Fort Lauderdale, têm a obrigação de passar por uma reforma e substituir portas e janelas originais por outras resistentes ao alto impacto.
DURANTE a passagem do furacão
  • Fique distante das janelas. Prefira ficar em um cômodo sem janelas ou dentro de um closet;
  • Tenha uma lanterna à mão e evite manter velas acesas durante a noite;
  • Não saia de casa durante a tempestade, a menos que seja uma emergência;
  • Coloque toalhas embaixo das portas e janelas para evitar a entrada de água na residência;
  • Tire os eletrônicos e eletrodomésticos da tomada;
  • Use pratos e copos descartáveis;
  • Mantenha a calma.

Durante a passagem de um furacão, é possível que o vento e a chuva diminuam, mas existe também a possibilidade que a direção dos ventos mudem e o furacão volte com ainda mais força. Fique atento aos alertas antes de sair de casa!

temporada de furacoes

DEPOIS da passagem do furacão
  • Permaneça dentro de casa até liberação das autoridades locais;
  • Se você tiver em um abrigo ou na casa de parentes/amigos, só retorne após confirmação de que é seguro voltar para a sua residência;
  • Não ande em locais alagados sob o risco de ter fios partidos (que pode ocasionar em uma grande descarga elétrica) e buracos;
  • Se possível, verifique seus vizinhos, principalmente pessoas idosas ou que necessitem de cuidados especiais;
  • Caso a casa esteja sem energia elétrica, prefira lanternas em vez de velas;
  • Não dirija, a menos que seja um caso de emergência. Após a tempestade, os sinais de trânsito demoram para voltar a funcionar.

A expectativa é que nenhuma tempestade seja forte a ponto de trazer riscos, mas prevenir nunca é demais. Espero que essas dicas possam ajudá-lo caso você seja um recém-chegado ou esteja de passagem pelo sul da Flórida.