É fato que muita gente decide se aventurar nos EUA sem ter fluência alguma no inglês. Algumas pessoas, ao escolherem o sul da Flórida como destino, se confiam na quantidade de brasileiros e hispanos na região e na possibilidade de não usarem tanto o idioma do país. Outra parte, mais consciente, prefere se dedicar ao aprendizado da língua e viver o mais próximo possível como um residente local. É esse grupo que busca boas escolas de inglês nos Estados Unidos ainda estando no Brasil ou assim que chega à Terra do Tio Sam.

“Désirée, qual é a melhor escola no sul da Flórida?” é o tipo de pergunta que recebo quase que diariamente. A verdade é que não conheço todas as escolas de inglês da região (e são muitas!), mas a primeira coisa que você precisa identificar é o propósito em relação a essa busca. Você precisa aprender inglês do zero? Já tem uma boa noção do idioma e deseja fazer um curso voltado para sua área? Ou sua intenção é fazer um curso preparatório para exames como TOEFL ou Cambridge, por exemplo?

+ Visto de estudante para os EUA: dúvidas sobre o visto e o processo de imigração

Escolas de inglês: como os cursos estão divididos

Inglês geral: As aulas de General English são cursos voltados para o aprendizado do idioma. Antes do início das aulas, o aluno passa por uma avaliação para identificar o nível em que se encaixa. Os níveis, na maioria das escolas, são básico, intermediário e avançado. Alunos de intercâmbio com pouco tempo no país geralmente optam por cursos intensivos; para quem está morando na região, pode optar por menos dias de aulas na semana, de acordo com a disponibilidade pessoal e a oferta de horários da instituição. A Albizu University, em Doral, é um dos estabelecimentos que mais têm recebido brasileiros nos últimos anos.

Inglês voltado para a carreira: Estudantes que já têm um bom nível de inglês e desejam aprimorar o idioma dentro da área de atuação ou interesse podem optar pelos cursos voltados para a carreira. Moda, Direito, Redes Sociais, Marketing, Gastronomia e o clássico Inglês para Negócios são alguns dos cursos oferecidos por várias escolas. Antes de fechar com uma instituição, verifique se o curso do seu interesse está entre as opções.

Inglês preparatório para exames: Outros cursos bastante procurados são os preparatórios para escolas e universidades. O famoso TOEFL é o mais famoso nos Estados Unidos – é o exame requerido para entrar nas instituições de ensino superior do país. A Universidade de Cambridge também realiza vários exames para diferentes propósitos, e escolas no mundo inteiro aplicam cursos de proficiência para atender às exigências nas habilidades de leitura, escrita e fala.

+ Cidades com as melhores escolas do sul da Flórida
+ Tipos de escolas nos EUA

escolas de inglês nos Estados Unidos

Onde fazer cursos de inglês

Além das escolas direcionadas exclusivamente ao ensino de idiomas, muitas universidades e colleges oferecem cursos de inglês (ESL – English as a Second Language), mesmo que a pessoa não seja aluna em cursos de graduação, pós, mestrado ou doutorado da instituição. A Florida Atlantic University, por exemplo, oferece cursos de inglês voltados para que o estudante consiga aprovação em um curso superior. Existem ainda as turmas criadas em grupos de voluntários, igrejas e ONGs que disponibilizam cursos gratuitamente para pessoas que falam outros idiomas (ESOL – English for Speakers of Other Languages). Outra alternativa, ainda, são as escolas comunitárias, que oferecem cursos por valores simbólicos, como o ESOL Program da Broward Community Schools.

Dicas para escolher as escolas e ter um melhor aproveitamento
1. Evite falar português

A dica parece óbvia, mas, por puro comodismo, muita gente que faz curso de idiomas cai na tentação de se comunicar no idioma nativo com conterrâneos. Encontrar outros brasileiros é inevitável, mas cabe a você fazer o esforço de tentar se comunicar sempre em inglês.

2. Busque referências

Nada melhor do que ter a indicação de alguém que passou por uma escola e aprovou, principalmente quando o curso não é dos mais baratos. A psicóloga carioca Alessandra Francisco, que vive na Flórida há dois anos, não hesita em indicar a UCEDA para os amigos e conhecidos que pedem referências. “Gosto de indicar instituições que são credenciadas e ajudam os alunos com as informações para tirar o visto”, afirma.

Aproveite também para ler as avaliações deixadas na internet, principalmente as que estão fora dos sites oficiais, que tendem a ser mais sinceras e reais.

Para solicitar o visto de estudante, você precisa ser aceito por uma escola certificada pelo Student and Exchange Visitor Program. Consulte o site DHS para conferir se a instituição selecionada está apta a fornecer o certificado!

3. Acompanhe a escola nas redes sociais

Ver o que a escola divulga nas redes e os comentários de alunos e ex-alunos é uma maneira simples de conferir as atualizações da instituição. Não tenha receio em fazer perguntas pela página do Facebook ou pelo Instagram, inclusive direcionando a pergunta para alguém que tenha feito algum comentário. Quanto mais informações, melhor!

escolas de inglês nos Estados Unidos

Opções de boas escolas não faltam no sul da Flórida, mas não deixe de pesquisar bastante antes de tomar sua decisão. E se estiver em busca de orientações sobre a compra de imóvel e na escolha da cidade, me coloco à disposição para ajudá-lo. Fale comigo: Désirée Ávila – sua corretora de imóveis na Flórida – pelo e-mail desiree@corretoraflorida.com ou pelo celular/Whatsapp (+1) 954-993-4246.