A falta de conhecimento sobre uma cidade acaba gerando impressões errôneas. Uma dessas impressões equivocadas é sobre a compra de imóvel em Fort Lauderdale: enquanto alguns imaginam que é uma cidade apenas para ricos (por causa das casas e condomínios luxuosos de frente para o mar ou para os canais), outros veem Fort Lauderdale como uma cidade que vive à sombra de Miami e não tem nada a oferecer.

Casa de 7 quartos, 10 banheiros e 860 m² em Fort Lauderdale anunciada por US$ 11.500.000.
Imóvel em Fort Lauderdale: apenas casas de luxo?

Essa ideia de que Fort Lauderdale só tem casas de luxo não passa de mais um palpite impreciso. É verdade que a cidade é bastante sofisticada e possui muitos imóveis de alto padrão, mas também possui vários outros que são bem mais acessíveis e localizados em bairros igualmente bons, porém menos pomposos. Assim como em qualquer lugar do mundo, existe um preço que se paga por morar em localizações privilegiadas, como em um apartamento de luxo de frente para o mar, mas essa certamente não é a única opção de moradia em uma cidade tão diversificada em termos imobiliários como Fort Lauderdale.

A propósito, para aqueles que não abrem mão de viver na beira da praia, os imóveis na Galt Ocean Mile têm o melhor custo por metro quadrado na cidade. Além disso, apesar de os empreendimentos não serem os mais recentes, existe uma regulamentação na cidade que determina que os prédios com tempo superior a 40 anos passem por uma reestruturação de modernização, que inclui a troca de fiação e encanamento e a instalação de janelas resistentes ao impacto, dentre outras coisas.

+ Galt Ocean Mile: melhor custo por m² na praia de Fort Lauderdale
+ Condomínios com marina em Fort Lauderdale

imóvel em fort lauderdale
Imóvel de frente para o mar, na Galt Ocean Mile. Preços mais competitivos em localização privilegiada.
Onde a vida pulsa no condado de Broward

Miami e Fort Lauderdale não estão localizadas no mesmo condado, mas a proximidade das duas (a distância é de apenas 40 minutos) faz com que os visitantes de Miami deem uma esticadinha até Fort Lauderdale e vice-versa. Sem a mesma fama da sede do condado de Miami-Dade, Fort Lauderdale não deixa absolutamente nada a desejar em comparação a Miami. As duas possuem atrações de tirar o fôlego, praias de águas azuis, restaurantes e bares dignos de guias de viagens e imóveis para todas as configurações familiares e bolsos.

O que então diferencia as duas sedes dos seus respectivos condados? Um dos pontos principais é que a quantidade de imigrantes e turistas ainda é menor em Fort Lauderdale, o que significa uma cidade menos diversificada do que Miami. Por outro lado, a presença maior de residentes norte-americanos conserva na cidade uma atmosfera menos heterogênea – o que não chega a ser um dado positivo ou negativo, apenas um ponto diferente na comparação entre as duas.

+ 9 lugares para fazer um delicioso brunch no sul da Flórida
+ Os condomínios mais exclusivos de Fort Lauderdale

O descolado S3 Restaurant é um dos atuais points de Fort Lauderdale.
Bairros para todos os perfis

Quem respira cultura, encontra no Flagler Village um verdadeiro reduto artístico. Desde o início dos anos 2000 a vizinhança vem passando por uma verdadeira transformação: as ruas ocupadas por armazéns abandonados e pontos de substâncias ilícitas, que outrora espantavam os passantes, se tornaram a base da cultura na cidade. Hoje, os empreendimentos que dão vida às ruas de Fort Lauderdale em nada lembram a decadência do bairro de anos atrás.

Vizinho ao Flagler Village e margeando os primeiros indícios dos canais tão característicos da cidade está o Victoria Park, um bairro tipicamente residencial que remete aos charmosos bairros da Flórida de antigamente. O arborizado bairro que tem o Holiday Park como principal referência é contornado por algumas das principais avenidas da cidade.

+ Flagler Village: o novo coração cultural de Fort Lauderdale
+ Conhecendo os bairros de Fort Lauderdale: Victoria Park

imóvel em fort lauderdale
Casa de três quartos em Victoria Park atualmente no mercado por US$ 350.000. Bairro familiar e valores mais acessíveis.
Greater Fort Lauderdale: cidades vizinhas

Uma alternativa para quem busca o estilo de vida de Fort Laurdedale, mas prefere uma cidade menor, é buscar os municípios vizinhos que fazem parte da região metropolitana. Lauderdale-by-the-Sea, Wilton Manors, Oakland Park, Plantation e Davie – para citar alguns exemplos – são cidades menores (Lauderdale-By-The-Sea tem menos de 10.000 habitantes!), mas oferecem boa estrutura e estão próximas à sede do condado de Broward, como se fossem bairros de Fort Lauderdale.

+ Sinta-se como um local em Lauderdale-by-the-Sea
+ 7 motivos para morar em Oakland Park

A apenas 20 minutos do centro de Fort Lauderdale, a pacata Lauderdale-by-the-Sea, que conserva a vibe da Flórida de antigamente, tem menos de 10.000 habitantes.
Imóvel em Fort Lauderdale para todos os bolsos

Como citado no início do texto, a ideia de que Fort Lauderdale só oferece imóveis de luxo é completamente equivocada. Sim, a cidade possui imóveis suntuosos – muitos deles, na verdade! – mas as mansões e os condomínios à beira-mar não são as únicas opções de moradia. É possível comprar um excelente imóvel em outros bairros por valores muito mais em conta, como o novíssimo Portofino Residences, no bairro de Croissant Park, com towhomes de 3 quartos e 220 m² por US$ 475.000.

+ Tipos de imóveis residenciais nos EUA
+ Morar na Flórida: os primeiros passos para se mudar para os EUA

imóvem em fort lauderdale

A compra de um imóvel depende de muitos fatores, mas o perfil dos moradores, a configuração familiar e o orçamento são, sem dúvida, os mais importantes. Independentemente do seu orçamento ou do tipo de residência que busca, Fort Lauderdale e as cidades adjacentes têm o imóvel perfeito para você. Para visitar imóveis na região entre em contato comigo: Désirée Ávila – sua corretora de imóveis na Flórida – pelo e-mail desiree@corretoraflorida.com ou pelo celular/Whatsapp (+1) 954-993-4246.

Os imóveis apresentados neste post têm como referência o mês de julho/2019 e podem sofrer alterações de preços ou sair do mercado sem aviso prévio.